2 Comentários

  • Filipa Martins diz:

    É muito difícil não cairmos nesse erro, no meu caso fui mãe pela primeira vez com 22 anos como tive uma gravidez difícil depois da bebé nascer só me foquei nela fiquei em segundo plano e estava bem com isso. Passado um ano comecei a ver o meu corpo e não gostava mesmo estando com o meu peso habitual antes de engravidar a barriga não diminuía. O ano passado fui mãe outra vez e desta vez tentei ter cuidados mesmo que mínimos mas a barriga ficou igual á gravidez passada. Em conversa com a minha cunhada descobri a diástase, pesquisei e acredito que seja por isso. Também tenho imensas dores de costas e má postura. A minha questão é se será possível recuperar mesmo já passado um ano de ter sido mãe pela segunda vez?
    Obrigada,
    Bom ano e bom trabalho 😘

    • Liliana Mendes diz:

      Olá Filipa.
      Muito obrigada pela sua mensagem =)
      E parabéns pelos seus bebés =)

      Sim, está sempre a tempo de melhorar o seu corpo, mesmo já tendo passado um ano.
      A diástase abdominal é um dos motivos pelos quais a barriga muitas vezes não retoma a posição inicial e deve-se dar importância, uma vez que uma diástase não tratada pode levar a compensações que alteram a postura do corpo, e aumentam a probabilidade de dores lombares e nos arredores.
      É importante também salientar que a pratica desportiva no pós parto deve ser adaptada a essas alterações, de forma a não ser prejudicial.
      Sugiro fazer uma avaliação pós parto, de forma a percebermos como podemos ajudá-la.
      Qualquer coisa estou à disposição.
      Beijinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *